18.4.12

Nua

Eu nua...
Em minha cama...
Sozinha, descoberta
Entreaberta... a te esperar
Somente a Lua a me acompanhar
A leve brisa, quente de verão
Atiça minha paixão
Meus seios então...
Começo a tocar
Como se fosse você
Com tuas mãos, vivas, indecentes,
Deliciosas, lascivas
O desejo lateja em minhas veias
Aquece o corpo
Deixa-me febril, em chamas
Agora eu quero te amar...

2 comentários:

Eros disse...

Entrada sedutora para um prato principal opulento...

Beijos degustativos

teaser women disse...

A ansiedade da espera é algo fortissimo, que nos faz viajar bastante...
belo texto sempre bem acompanhado por imagens que também elas falam!

beijo viajante...