5.9.11

Hoje

...assanhada, insana...
cheia de desejo,
com vontade e sensação
de fazer amor madrugada afora!
Leia-me, e me deseje
percorra caminhos
saboreie sentidos...
que afloram das palavras!

Nenhum comentário: