16.3.12

Sede

Estou com sede
E a água não mata
A fome da minha boca.

Nenhum comentário: